Autarquia investe mais de 75 mil euros no âmbito do projeto “Escola Ativa”

 

Na reunião do Executivo realizada hoje, dia 12 de novembro, o Município de Viseu aprovou 15 novos protocolos no âmbito do projeto “Escola Ativa”, num valor superior a 75 mil euros. Os protocolos, assinados com os Agrupamentos já aderentes ao projeto (Agrupamentos de Escolas do Viso, Mundão e Infante D. Henrique) e respetivas Associações de Pais, preveem o apoio financeiro para a contratação de um técnico consultor. O objetivo é a dinamização de iniciativas promotoras de hábitos de vida diária ativos e de combate aos comportamentos sedentários, através da promoção da atividade física na comunidade escolar.

Incluem ainda a atribuição de 400 euros por escola para a aquisição e/ou instalação de equipamentos potenciadores da atividade física, materiais desportivos, entre outros, cumprindo assim dois dos seis eixos do programa: “Ambientes mais Ativos e Saudáveis na Escola” e o de “Melhoria dos Espaços Escolares”. Recorde-se que estes eixos referem-se à execução de projetos promotores de uma cultura do brincar, em contacto com o ar livre, os elementos naturais e espaços menos sintéticos. O Município espera iniciar o projeto para este ano letivo com celeridade, provavelmente já no próximo dia 23 de novembro, o que depende da articulação final com os Agrupamentos de Escolas.

Recorde-se que a autarquia lançou o projeto “Escola Ativa” em 2018. A iniciativa destina-se a Jardins de Infância e 1º ciclo do ensino básico, e na edição passada movimentou cerca de 3300 crianças de quatro Agrupamentos (Viso, Mundão, Viseu Norte e Infante D. Henrique) e algumas instituições do setor privado. O “Escola Ativa” pretende sensibilizar toda a comunidade escolar para a prática da atividade física como um comportamento de vida diário, potenciando desta forma a criação de experiências positivas e contribuindo para ambientes mais saudáveis, desafiadores e estimuladores para a aprendizagem e desenvolvimento holístico da criança.