PARTILHAMOS… SETEMBRO

Setor Adulto
Leituras de verão 

O Verão continua. Tempo de prazer, de fruição, de imaginação e aventura,  de novas experiências de vida.

A qualquer hora, em todos os lugares.

Entrar num livro é entrar em novos mundos.

 

 

A Biblioteca Municipal renova as sugestões de leitura para as férias de verão, com novos títulos de autores portugueses e estrangeiros.

Venha conhecê-las!

Boas férias! Boas leituras!

 

Setor infantil e juvenil 
Luisa Ducla Soares – 50 anos de histórias 

Luisa Ducla Soares comemora 50 anos de vida literária aos 80 anos de idade.

Nascida em Lisboa a 20 de julho de 1939, iniciou a atividade profissional como tradutora, consultora literária e jornalista, tendo sido diretora da revista de divulgação cultural Vida. Estreou-se em 1970 com o livro de poemas Contrato.

Dedicada especialmente à literatura para crianças e jovens, em prosa e em poesia, tem mais de 180 publicações nesta área. Muitos dos seus poemas foram musicados e editados em CD.

A sua obra foi galardoada com diversos prémios.

Recusou, por motivos políticos, o Grande Prémio de Literatura Infantil com que o SNI pretendeu distinguir o seu livro História da Papoila, em 1973.

Recebeu o Prémio Calouste Gulbenkian para o melhor livro (1984-1985) com 6 Histórias de Encantar e o Grande Prémio Calouste Gulbenkian pelo conjunto da sua obra, em 1996.

Em 2004 foi escolhida pela Secção Portuguesa do IBBY (International Board on Books for Young People) como candidata ao Prémio Hans Christian Andersen.

Em 2009 recebeu a Medalha de Honra da Sociedade Portuguesa de Autores.

Em 2010 foi proposta como candidata de Portugal ao Prémio Ibero-Americano SM de Literatura Infantil e Juvenil.

 

 

Sinto-me bem comigo própria a escrever para crianças

                                     Luisa Ducla Soares

 

                                                                               

Setor Multimédia: cinema
Sofia Carmina Coppola

Sofia Coppola, cineasta e atriz norte-americana, nascida em 1971, filha do realizador Francis Ford Coppola.

 

Estreou-se no cinema como atriz interpretando um papel no filme O Poderoso Chefão, dirigido pelo seu pai e, mais tarde em Peggy Sue Got Married. Como cineasta, estreou-se com o filme As Virgens Suicidas, em 1999.

O filme Lost in Translation valeu-lhe o Óscar de Melhor Argumento Original. Em 2006 dirigiu o drama histórico Marie Antoinette e em 2010, com o filme Em Algum

Lugar tornou-se a primeira mulher americana a ganhar o Leão de Ouro no Festival de Veneza. Em 2017 foi galardoada ainda com o Prémio de Melhor Diretor no Festival de Cannes, com o filme The Beguiled.

 

 

 

 

Setor Multimédia: Musica
Agnès Mellon

Agnès Mellon, professorade canto lírico e cantora soprano francesa, nascida em França em 1958. É especializada em música barroca e de ópera. Embora o seu trabalho se divida entre a França e o Japão, é essencialmente conhecida através da banda sonora de muitas séries televisivas francesas. Contracenou no filme Maria Antoinette de Sofia Coppola, onde interpretou árias de Maria, Madre de Dio (Handel, Ferrandini, Scarlatti), com o emsemble Arion, e Les Déesses Outragées, cantatas de Louis-Nicolas Clérambault, Philippe Courbois e Francois Colin de Blamont, o que lhe valeu o Prémio.

Artista do Ano da Radio France, em 2005 e o Kyoto Prize in Arts and Philosophy, em 2006.

 

 

 

 

 

 

 

Setor Multimédia: personagem cinéfila de….Roald Dahl

Os Idiotas

 

 

Roald Dahl, nascido em 1916 e falecido em 1990, foi um escritor britânico, filho de noruegueses. Atingiu notoriedade na década de 1940 pelas suas obras para adultos e crianças e tornou-se um dos escritores mais aclamados do mundo, traduzido em várias línguas. É conhecido principalmente pelos seus livros infantis e várias das suas obras foram adaptadas ao cinema.

A mensagem mais comum nas histórias de Dahl é: Miúdos, o mundo é cruel mas vocês vão ter de aprender a sobreviver e a divertir-se apesar de tudo.

 

 

 

 

Rãs na cama! Olhos na bebida! Minhocas no espaguete! O Sr. e a Sra. Idiota são verdadeiramente asquerosos. Cheiram mal porque não se lavam, discutem porque passam a vida a pregar partidas um ao outro e odeiam crianças. Mas, pior do que isso, têm quatro macacos no quintal das traseiras. Prenderam o macaco Simão, a macaca Catarina e seus dois filhinhos numa gaiola no quintal. Dentro de uma jaula. O objetivo dos Pestes é montar o primeiro Grande Circo dos Macacos de Cabeça para Baixo do Mundo… Está na hora de os macacos se vingarem destas duas criaturas horrendas.