Programa Atividade Sénior

 

Em 2007, o Município de Viseu deu início a um programa de promoção de exercício físico para a sua população sénior. Apenas com uma duração de aproximadamente 3 meses, o programa mobilizou 517 participantes em 17 grupos de atividade. Foi um primeiro passo experimental mas importante na definição da estratégia e na materialização de alguns princípios que viriam a revelar-se fundamentais no crescimento do projeto, designadamente no envolvimento das instituições locais, na abrangência territorial e na valorização da formação específica e contínua dos Técnicos de Exercício Físico.

Nas edições seguintes o programa Atividade Sénior manteve um crescimento muito significativo, atingindo os 1500 participantes na 3ª edição de 2008/2009, crescendo a regularidade para 9 meses de atividade por ano. É no ano de 2016 (10ª edição do programa) que se deram as alterações mais profundas na estruturação do programa e na materialização de algum do trabalho desenvolvido nos anos mais recentes.

Atualmente na 12ª edição, contamos com números muito significativos: mais de 2370 participantes inscritos através de 112 grupos, distribuídos pelas 25 freguesias do concelho e 99 instituições envolvidas na sua organização, fazendo do programa um excelente exemplo dos resultados que conseguimos alcançar quando nos propomos trabalhar em rede. Hoje é, acima de tudo, um projeto de responsabilidade social, organizado pela Comunidade e não apenas pelo Município de Viseu.

Pretendemos, com esta edição, ter como foco a promoção da atividade física diária na perspetiva da adoção de estilos de vida mais saudáveis – “todos os minutos contam!”. Esta visão da promoção da atividade física diária – e respetiva literacia para a atividade física e saúde – é fundamental para a consecução dos objetivos de adoção de estilos de vida mais saudáveis em toda a população.

O programa tem como Missão “criar e implementar um programa comunitário de promoção do exercício físico de forma regular e orientado, que permita aos seniores do concelho de Viseu usufruir de uma oferta diversificada e qualificada de atividades que contribuam para uma melhoria da sua qualidade de vida, materializada no aumento dos seus níveis de aptidão física-funcional, na sua perceção de saúde e bem-estar e na manutenção dos seus níveis de independência e autonomia e, simultaneamente consciencializar este segmento da população para a importância de adotar hábitos de vida saudável.”

O Atividade Sénior tem construído um forte impacto na criação e otimização de oportunidades para um envelhecimento ativo, focado no bem-estar e qualidade de vida dos seniores. A criação do programa emerge da necessidade de encontrar políticas públicas que permitam que as populações envelheçam de uma forma ativa, evitando ou retardando a institucionalização e a dependência.

 

Atividades e objetivos

O programa encontra-se organizado em 6 Eixos estratégicos:

1- Atividades Regulares:

É o centro do programa e visa a participação em aulas orientadas por Técnicos de Exercício Físico. Caracteriza-se por ter a duração de 10 meses e uma frequência semanal de:

- 2 a 3 vezes, em aulas de 50 minutos, nos grupos independentes, permitindo que uma dessas aulas semanais possa ser de hidroginástica;

- 3 a 4 vezes, em aulas de 30 minutos, nos grupos dependentes.

Os 112 grupos em atividade encontram-se organizados em função dos níveis de aptidão física dos participantes, sendo que, no ato de inscrição podem optar por inserir-se num grupo de “muito ativos”, “ativos”, “menos funcionais” ou “frágeis/muito frágeis”, correspondendo este último a grupos de Lares Residenciais/Centros de Dia e com grandes dificuldades de mobilidade. Esta distribuição e organização dos grupos vem no sentido de promover uma maior homogeneização dos participantes, potenciando os efeitos da aula e permitindo uma maior adequação no ato de planificação pelos técnicos.

Numa parceria com o ACES Dão Lafões, designadamente pela sua Unidade Coordenadora Funcional da Diabetes, foi ainda criado um grupo específico para pessoas com Diabetes tipo 2, que além do acompanhamento de um Técnico com formação específica nesta área, tem ainda o acompanhamento regular dos profissionais de saúde, envolvendo tanto quanto possível alunos estagiários da Licenciatura em Desporto e Atividade Física da ESEV-IPV.

2- Atividades Complementares:

Visam aumentar a diversidade de oferta do programa, os níveis de prática semanal e o número de interações sociais, numa perspetiva de ocupação saudável dos tempos livres, procurando também captar novos públicos. As atividades desenvolvidas são a Dança, Atletismo, Yoga, Boccia e Xadrez.

3- Atividades Pontuais:

Visam estimular, de forma ativa, a dimensão social do programa, com base na organização de atividades que promovam a interação entre os grupos. Este objetivo é alcançado, também, através da promoção da participação em atividades que decorram anualmente no concelho, e do apoio a atividades programadas pelos Promotores Locais e Técnicos. Este eixo permite melhorar os níveis de notoriedade e reforço dos valores positivos do Atividade Sénior junto dos parceiros e opinião pública.

4- Ações de sensibilização e formação:

Ao longo do ano de programação, são organizadas cerca de 80 ações, descentralizadas, nas áreas da Educação para a Saúde, Defesa do Consumidor, Promoção da Atividade Física e Alzheimer/Diagnóstico Precoce, fruto das parcerias com a Beira Amiga e as Unidades de Cuidados na Comunidade.

5- Avaliação dos Participantes:

A avaliação é realizada com base num Paradigma Biopsicossocial do envelhecimento, refletindo os objetivos de identificação multidimensional do risco de perda funcional e autonomia, assim como de prescrição e monitorização do programa de intervenção.

O estudo, em colaboração com a Escola Superior de Educação de Viseu, consiste na avaliação multidimensional de variáveis decorrentes da (a) perceção de saúde e das limitações físicas-funcionais na execução das atividades de vida diária, (b) bem-estar sentido, e (c) expectativas em relação ao exercício físico. Além disso, o estudo observa diretamente variáveis biofuncionais como a (d) aptidão física-funcional, o (e) equilíbrio, a (f) mobilidade funcional e o risco de queda, e (g) do perfil antropométrico. Também se identifica o (h) risco de desenvolvimento de Diabetes Mellitus Tipo 2.

Desde 2016, o Atividade Sénior conta com a parceria da Universidade Católica Portuguesa – Pólo de Viseu, assim como do laboratório SalivaTec. Este tem experiência na medição de marcadores de inflamação em saliva baseados em técnicas de colheita mais simples e seguras quando comparadas com a análise sanguínea. O Departamento de Ciências da Saúde da UCP tem as competências no âmbito da saúde oral para fazer a avaliação dos utentes do programa.

6- Formação dos Técnicos:

A formação dos técnicos prevê atividades com dinâmicas formativas centradas numa prática reflexiva e de participação crítica, em coerência com a matriz de competências para do Técnico. Também as temáticas técnico-científicas, emergentes das necessidades que os TEF consideram pertinentes, se refletem na robustez do programa Atividade Sénior. No plano de formação destaca-se a organização anual do Congresso de Envelhecimento Ativo: Exercício Físico e Saúde.

Inscrições: O prazo de inscrições prolonga-se até 31 de outubro

As inscrições podem ser realizadas junto dos promotores locais ou nas Juntas de Freguesia da respetiva área de residência. Poderão participar seniores residentes no concelho, com idade igual ou superior a 55 anos. A ficha de inscrição encontra-se disponível, abaixo, para preenchimento, ainda que a sua entrega tenha que ser efetuada nestes mesmos locais.

Também os promotores locais que desejem integrar o programa da Atividade Sénior podem inscrever-se, entregando a respetiva candidatura no Pavilhão Cidade de Viseu.

Saiba mais no folheto informativo. 

 

DOCUMENTOS ÚTEIS

Seniores

- Ficha de renovação de inscrição

Ficha de inscrição  

Condições gerais de participação

 

Promotores Locais

Formulário de candidatura a promotor local

Manual do promotor local 

 

ESCLAREÇA AS SUAS QUESTÕES 

- Junto dos promotores locais ou das Juntas de Freguesia da sua área de residência;
- Com o Setor de Desporto e Juventude, através dos emails Este endereçod e email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. e Este endereçod e email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar., dos telefones 232 411 359 e 964 334 114, ou presencialmente, no Pavilhão Cidade de Viseu (antigo Inatel).