Quinta da Cruz renova aposta na educação artística da comunidade e promove dezenas de iniciativas em 2017

Espaço municipal recebeu já mais de 19 mil visitantes desde a sua inauguração e acolheu 15 exposições de arte contemporânea

Dezenas de iniciativas artísticas e culturais integram a programação da Quinta da Cruz para o ano de 2017. Exposições, workshops, encontros, cursos e conferências, oficinas e atividades para toda a família são apenas algumas das opções da Câmara Municipal de Viseu, que reforçam a vocação do equipamento no domínio da arte contemporânea ao longo do ano.

Este sábado, 18 de fevereiro, pelas 16 horas, inaugura uma nova exposição dedicada à escultura, dos artistas plásticos Ângelo Ribeiro, João Macedo e Moisés Tomé, do grupo “Escultura de Raiz”. A somar a esta exposição, o programa da Quinta da Cruz dará a conhecer outros projetos contemporâneos, nomeadamente no âmbito dos protocolos com a Fundação de Serralves e a Associação de Professores de Expressão e Comunicação Visual (APECV), que garantiram já várias exposições e formações junto da comunidade de Viseu.

É o caso da exposição de pintura de Fernando Lanhas, patente até 26 de fevereiro, que reúne algumas obras da coleção de Serralves, e que sucede já outra exposição da Fundação em Viseu, dedicada a Manuel Alvess. Em setembro, o espaço recebe nova exposição de Serralves – “A Minha Casa é a Tua Casa”, que apresenta obras de artistas contemporâneos sobre a hospitalidade e o urbanismo.

Também patente no museu está “Cadernos Artivistas”, um projeto de livros colaborativos e comunitários da APECV, que levou já várias famílias à Quinta da Cruz para uma oficina criativa com a artista espanhola Lorena Cueva.

Ao longo do ano, haverá também vários workshops e laboratórios ligados às exposições em curso, com vista a cultivar a aproximação e o acesso da comunidade à arte.

De regresso em 2017 está também o Festival das Artes, entre os dias 23 e 28 de maio. O evento, que resulta de uma parceria entre o Município de Viseu e a APECV, visa a educação artística da comunidade e oferece um programa diversificado de iniciativas em diversas áreas artísticas, do teatro à música.

Destacam-se ainda diversos encontros no âmbito da educação artística, seminários e o 15º concurso de Artes Visuais, a 14 de abril, assim como outras atividades preparadas especialmente para assinalar dias comemorativos, como é o Dia Internacional dos Museus ou as Jornadas Europeias do Património.

Os programas dedicados aos mais pequenos e às famílias são também reforçados. Há “Sábados em Família”, um sábado por mês, horas do conto, oficinas artísticas, jogos e outras atividades que aproveitam a envolvente natural da Quinta da Cruz.

Inaugurada em agosto de 2014, a Quinta da Cruz, localizada na freguesia de Repeses e São Salvador, integra o conjunto dos sete espaços museológicos da gestão do Município de Viseu. Desde a sua inauguração, e até ao início deste ano, o espaço recebeu já mais de 19 mil visitantes e acolheu 15 exposições. A aposta na componente lúdico-pedagógica levou à organização de 203 atividades nos mais variados âmbitos artísticos.